Paróquia Santo Antônio abre celebrações preparatórias à Romaria Votiva no Santuário de Nossa Senhora de Caravaggio

 

 

A oitava noite preparatória a 118ª Romaria Votiva. Ocorreu no Santuário de Nossa Senhora de Caravaggio, acolhendo a Paróquia Santo Antônio de Forqueta.

 

O padre Celso Ciconetto, destacou que foi uma graça   e uma alegria ter participado da preparação  da Romaria no Santuário.

Ele disse que é o lema “Respeitar, cuidar e contemplar a criação” é oportuno e necessário para refletir sobre o cuidado e o respeito com a criação.

 

“A criação é um dom de Deus e como  dom de Deus precisamos  admirar, contemplar e fazer a nossa parte para que a vida no planeta não seja afetada.

 

Nós seres humanos não subsistimos sozinho dentro desta grande  teia da vida, precisamos estar  interligados  com outros seres vivos”. Finalizou  padre Celso Ciconetto.

 

(Ouça Áudio).

 

Forqueta é um  bairro de Caxias do Sul.  Sua história confunde-se com nos primórdios da colonização italiana na região. Famílias estabeleceram-se no local, construíram pequena igreja e escolheram o padroeiro, Santo Antônio.

Em  25 de março de 1954, foi criada  Paróquia Santo Antônio da Forqueta,  pelo  Bispo  Diocesano Dom Benedito Zorzi.  No inicio compreendia as comunidades de N. S. das Graças,  da Salete, Santos Anjos e São Roque do município de Farroupilha; Menino Deus,  São João e a Matriz do município de Caxias do Sul.

E a partir de 1980, houve a inclusão das comunidade da Linha Feijó,  São Martinho, São Virgilio, N. Sra. do Loreto, São Valentin, São Cristóvão, Cerro da Glória e Santo Antonio que pertenciam à Paróquia  da Imaculada Conceição.

Recentemente, estão sendo organizadas comunidades Igrejas no Bairro Tirol,  Vila Nova e Esperança, totalizando 16 comunidades.

 

Nos próximos dias no Santuário de Caravaggio, sempre às 20h:

26/01 – Paróquia Nossa Senhora do Rosário – Pinto Bandeira

27/01 –  Paróquia Santa Cruz – Nova Milano

28/01 –  Paróquia Jesus Ressuscitado

29/01 – Paróquia São Marcos

30/01 – Paróquia São Pedro e São Paulo – Nova Roma do Sul

31/01 – Paróquia Sagrado Coração de Jesus

01/02 – Paróquia Jesus Bom Pastor

No dia 2 de fevereiro, a programação no Santuário de Caravaggio inicia às 8h com missa. Às 10h30 ocorre a missa festiva seguida da procissão e benção das máquinas agrícolas. Às 12h30 ocorre o almoço festivo, seguido da récita do terço às 14h30, missas às 15h e 17h, e encerrando com récita do terço às 18h. Na ocasião, os agricultores poderão ofertar frutos produzidos em suas propriedades. Após a festividade, os produtos serão doados à entidades assistenciais do município.

 

História da Romaria Votiva
Toda a primavera e o verão de 1898 foram implacáveis com nossos agricultores, devido a seca e associadas às dificuldades daqueles primeiros tempos; mas, a vontade de vencer é que tudo transformou. No início de 1899 foram convidadas as pessoas para virem em romaria (a pé, cavalo, carroça) até a Igreja Nossa Senhora de Caravaggio. Era o dia 02 de fevereiro. Num gesto de fé, reconhecimento e confiança vieram de Nova Vicenza (Farroupilha), Caxias do Sul, Nova Roma do sul, Nova Trento (Flores da Cunha), Bento Gonçalves e Nova Pompeia (Pinto Bandeira). Estava atendendo a Paróquia, o padre Francesco de Cicco, até julho daquele ano. Todos foram acolhidos, cada qual recebeu o Sacramento da Reconciliação e participou da Santa Missa das 10h. Durante a missa uma pequena nuvenzinha e meia hora depois a torrencial chuva em socorro da sedenta humanidade, os que vieram pisando pó, voltaram pisando barro. À tarde, rezavam o terço e cantavam as ladainhas, para retornarem a suas casas. A prece sofredora dos devotos chegou ao céu e foi atendida; a agricultura que parecia ter perdido tudo, renovou a esperança. No ano de 1902 o padre Henrique Poggi, e os paroquianos de Caravaggio, fizeram o voto de recordar o sinal. E, desde então, se faz, anualmente, esta Romaria.

Comments

    No Comments

Leave a reply

Your email address will not be published. Fields marked * are mandatory.