A primeira manhã da 140ª Romaria de Nossa Senhora de Caravaggio, no Santuário Diocesano de Farroupilha, uniu emoção, peregrinação e religiosidade. A Brigada Militar estima que 25 mil pessoas tenham comparecido às celebrações da manhã, que começaram às 6h e seguem até 17h. Conduzida pelo bispo Dom Alessandro Ruffinoni, a missa campal das 10h30min contou com uma participação super especial: pelo menos 500 jovens vieram de Caxias do Sul na sexta edição da Romaria da Juventude. Eles peregrinaram do MartCenter Shopping, às 6h deste sábado, e chegaram pouco antes das 10h na Avenida Dom José Barea.

 

 

 

 

A missa campal teve também a presença do bispo emérito da Diocese de Caxias do Sul, Dom Paulo Moretto, que comemora 83 anos de vida e 58 de vida religiosa. Na homilia, o bispo Dom Alessandro lembrou o lema da 140ª romaria “Com Maria, a Mãe de Jesus, por uma cultura do encontro” ao afirmar que o Papa Francisco nos pede mais humanidade, paciência e compaixão. Ao longo de toda a manhã, a imagem de Nossa Senhora, posicionada ao lado do altar, é tocada por milhares de fiéis que pedem bênção ou agradecem por graças. A Esplanada do Santuário também fica pequena para tantas histórias de devoção, como a do casal Stefani Rodrigues Cardoso, 18 anos e Rafael Soares, 19. Eles percorrem parte dos 20 quilômetros de caminhada entre Caxias do Sul e Farroupilha descalços. Ao explicarem a razão de tamanho esforço, ficou difícil conter as lágrimas.
“Eu prometi para Nossa Senhora que subiria a pé o último morro caso minha afilhada nascesse saudável. Ainda que os exames indicassem que ela nasceria com complicações, ela está com saúde, está bem”, contou Stefani.